quinta-feira, março 31, 2011

Quantas vezes isto acontece?


Num aeroporto, uma mulher esperava a hora de embarque. Como ainda faltava, algum tempo decidiu comprar uma revista e um pacote de bolachas, para ajudar a passar o tempo.

Escolheu, uma zona mais reservada para se sentar. A seu lado sentou-se um homem, também ele com uma revista.

Abriu a sua revista e o pacote de bolachas, e enquanto folheava, comia uma bolacha. O homem a seu lado, também lia a sua revista, e quando ela tirava uma bolacha, ele tirava também.

A mulher, apesar de indignada, decidiu ignorar a situação. E continuou a folhear a revista e a comer as suas bolachas. O homem continuou a comer das suas bolachas, até que só sobrou uma bolacha no pacote. Aí, este partiu a bolacha ao meio, comeu a metade que tinha na mão, e deixou a outra metade dentro do pacote.

Extremamente indignada, levantou-se e dirigiu-se para dentro da sala de embarque sempre a remoer na situação.

Chegada a hora do embarque, e ao pedirem-lhe os bilhetes para confirmar o seu lugar. A mulher abre a mala, joga a mão ao fundo. e eis que encontra o pacote das bolachas.

Todo este tempo tinha estado irritada e a remoer, quando a culpa era dela. Tinha sido ela a estar em falta.

Aquele homem tinha partilhado as suas bolachas, sem se irritar, sem se indignar. Enquanto ela mal podia esconder a sua raiva.

Queria desculpar-se, mas agora já era tarde de mais...

(texto de anónimo)


Quantas vezes isto acontece? Estamos errados e não queremos admitir. E encontramos desculpas e lançamos as culpas aos outros, sem querer aceitar, que o culpado somos nós.

Já diz o ditado "Mais cego é aquele que não quer ver".
Enviar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...