domingo, janeiro 27, 2013

A Dieta Dukan

A dieta Dukan foi criada pelo nutricionista françês, Dr. Pierre Dukan, há mais de uma década. Esta dieta alimentar ficou conhecida sobretudo depois do lançamento do livro “Eu Não Consigo Emagrecer”, um best seller, lido por mais de cinco milhões de pessoas.



A dieta Dukan consiste em quatro fases: uma de “ataque”, em que só se pode ingerir alimentos protéicos (carnes e laticínios magros, frutos do mar, frango sem pele e iogurte, por exemplo) e que dura no máximo dez dias; na segunda fase, são introduzidos legumes e verduras na alimentação (mas nada de milho, arroz, ervilhas e batata) até chegar no peso desejado. Na terceira etapa, chamada de “transição”, consiste em manter o peso, repetindo o cardápio da fase anterior, e dá direito a uma fruta por dia e duas refeições livres por semana – que pode ser algo doce ou fritos. Na quarta fase da dieta Dukan, a de manutenção, nada é proibido, desde que com bom senso, e é necessário repetir a primeira fase uma vez por semana, sempre às quintas-feiras. Em todas as etapas, o médico sugere que a ingestão de ao menos 1,5 litro de líquido – além de água, pode-se tomar chá e café – e de 1,5 colher de farelo de aveia diariamente.
Entre os principais efeitos secundários desta dieta Dukan, o livro destaca a possibilidade de boca seca, mau hálito, problemas renais e prisão de ventre.
Para esclarecer estes e outros assuntos relacionados com a dieta Dukan, nada melhor que ouvir da boca do seu criador, o Dr. Pierre Dukan, o que ele tem para dizer. Uma entrevista interessante a não perder.

Após estes eclarecimentos prestados pelo Dr. Dukan, vamos de seguida, referir as principais vantagens e desvantagens desta dieta.

Vantagens da dieta Dukan:

  • As proteínas diminuem a sensação de fome.
  • Grande lista de alimentos que podem ser consumidos.
  • Fácil de fazer, mesmo que se coma fora de casa.
  • Perca de peso considerável no primeiro mês.
  • Aposta no consumo de produtos naturais.
  • Na terceira fase da dieta Dukan é permitido, duas vezes por semana, comer o que se quiser.
  • Com a 4.ª fase – estabilização e consolidação – tenta-se evitar o efeito da recaída.

Desvantagens dieta Dukan

  • O consumo exclusivo de proteínas na primeira fase pode provocar cansaço ou esgotamento.
  • A perda de peso rápida pode provocar uma carência de vitaminas, fibras e sais minerais. É aconselhável a toma de suplementos alimentares.
  • O excesso de proteínas provoca dificuldades nas idas à casa de banho devido à falta de minerais, vitaminas e fibras.
  • A perda rápida de peso com a consequente falta de açucares, pode dar origem a alguma fadiga e cãibras nos músculos.
  • Perda de gordura e de massa muscular.
  • Depois de uma grande privação, o organismo aprende a lição e passa, no futuro, a assimilar melhor as calorias. O corpo começa logo a reconquistar as reservas perdidas. Isto é importante ter em atenção: É possível recuperar todos os quilos perdidos em pouco tempo e ainda ficar com mais peso do que se tinha antes de fazer esta dieta;
  • Pode aumentar os níveis de colesterol. Se não forem seguidos à risca todos os passos de desenvolvimento da dieta Dukan é fácil recuperar o peso perdido em pouco tempo.
  • Perde-se muita água e submetem-se o fígado e os rins a um enorme trabalho de eliminação dos resíduos.
  • Nesta dieta não há ingestão de gorduras saudáveis.
  • Mau hálito.
A dieta Dukan, tal como outras dietas, pode durar durante muito tempo, pois, não se trata de uma dieta milagrosa.
Enviar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...